fikdik

personalizando espaços em imóveis alugados

Muita, mas muita gente me pergunta isso: “você pintou as paredes de casa mesmo o apartamento não sendo seu?”

R.: Com certeza!

Nem todo mundo se sente encorajado/a a fazer isso, mas no meu caso decidi pintar algumas poucas paredes de casa por três motivos:

  1. não dava para conviver com as cores escolhidas pelo último morador (uma parede roxa + duas em dois tons de lilás na sala; duas paredes num verde desmaiado muito sem graça);
  2. eu que pintei, ou no máximo tive a ajuda de amigos, como foi no caso da parede cereja;
  3. o apartamento me foi entregue com a pintura velha.

O que me motivou a escolher pelo apartamento onde moro foi: primeiro, proximidade do trabalho; segundo, a quantidade de armários e terceiro, o potencial que o espaço tinha, apesar de algumas paredes não combinarem com a minha decoração. Então para mim foi natural fazer essas pequenas mudanças. Trabalhar o olhar dos espaços na hora de decorar é bem importante. Muita coisa pode mudar ao longo do caminho, mas ter uma ideia básica de distribuição de móveis, por exemplo, ajuda muito na hora de comprá-los.

Só para terem uma ideia do que eu estava falando em não dar para conviver com o que tinha: a infame parede roxa…

…a parede lilás da janela da sala…

…e o verde desmaiado do quarto.

Com as paredes brancas que estavam com manchas de uso, usei um pouco de sapólio líquido num pano branco úmido (se fizeres isso com aquele pano laranjinha que se usa para tirar poeira, vais manchar mais ainda a parede – true story, bro) e braço para esfregar a parede. Outra dica é logo em seguida passar um outro lado do pano úmido onde limpaste para tirar o excesso do sapólio.

No caso das paredes coloridas, fui pintando aos poucos.Comecei com a que menos gostava, (roxa), e em seguida eliminei a parede lilás da janela com um cinza claro. Esse mesmo cinza serviu para cobrir o verde desmaiado do quarto.

o cinza claro que cobriu o lilás da janela…

…e de quebra salvou o quarto do verde desmaiado ❤  verde aqui em casa só nas plantinhas 🙂

Na parede lilás maior da sala, onde escolhi aplicar uma massa com efeito de cimento queimado; antes de aplicar a massa passei duas demãos de tinta branca para cobrir o lilás para que a cor não interferisse no projeto. Como falei dia desses, ainda falta uma demão e finalizar com cera comum.

E foi isso que considerei o mínimo para ajustar o apartamento ao meu estilo e deu muito certo. Caso esse apartamento fosse meu, aí sim, eu faria outras mudanças mais drásticas, como trocar o piso e o revestimento da cozinha, área de serviço e do banheiro principal, por exemplo. De qualquer forma, estou bem satisfeita com o que fiz e com o que tenho. Por isso digo e repito que o ideal é adaptar as referências que a gente encontra por aí com a nossa realidade.

Quinta volto a falar das plantinhas de casa. Inté 🙂

 

Advertisements
Standard

3 thoughts on “personalizando espaços em imóveis alugados

  1. BA MORETTI says:

    coisa maravilhosa que ficou viu 🙂 e não adianta, mesmo sendo alugado, tem mudança que vale a pena. e cafofo tem que ter a nossa carinha mesmo 🙂

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s